top of page

O que é a Terapia Cognitivo-Comportamental?

A Psicologia é uma ciência muito ampla, possibilitando o direcionamento para diferentes campos de atuação e diversas abordagens. A Terapia Cognitivo-Comportamental (TCC), nesse contexto, emerge como baseada na combinação de estudos do comportamento e teorias cognitivas, criada no início dos anos 1960 pelo psiquiatra norte-americano Aaron Beck.

 

A TCC propõe que há uma interação entre acontecimentos, pensamentos, emoções e comportamentos, defendendo que não são necessariamente os fatos em si que nos geram sofrimento, mas sim a maneira que interpretamos e analisamos o que está acontecendo ao nosso redor. 

O principal objetivo da TCC é compreender qual a relação entre pensamento e comportamento, buscando durante as sessões identificar os sentimentos, pensamentos e comportamentos compartilhados pelo paciente e, assim, identificar e modificar padrões que estão baseados em crenças que temos sobre nós mesmos, sobre o mundo/outros e sobre o futuro.

 

Estes significados ou crenças são construídos desde a infância a partir das experiências de vida, do aprendizado observacional e dos modelos que identificamos. Muitas dessas crenças podem ser disfuncionais, resultando em pensamentos distorcidos e emoções e comportamentos indesejados, que trazem prejuízos ao nosso funcionamento. 

As crenças podem ser acessadas através dos pensamentos distorcidos frente às situações e dificuldades atuais, investigando na história de vida as suas origens e atuando no presente para modificá-las. Assim, mesmo focando no momento presente e prejuízos atuais, a TCC não desconsidera o passado por entender que nele estão as origens dos nossos padrões de funcionamento.

A TCC tem como princípio a aliança terapêutica, através da responsabilidade, ética, respeito, cuidado e acolhimento amigável, de forma a permitir, uma relação de confiança e um trabalho único. O processo de terapia é organizado a partir de objetivos e metas definidos em conjunto pelo paciente e pelo psicólogo. O terapeuta tem papel ativo, interagindo bastante, dividindo conhecimentos e ensinando técnicas e estratégias úteis para a sua melhora.

É importante ressaltar que a TCC é baseada em evidências, sendo testada através de inúmeros estudos científicos publicados, comprovando sua eficácia no tratamento de diversos transtornos mentais. Como também proporciona bons resultados e auxilia em diversas questões da nossa vida, como escolhas profissionais, perdas, estresse, problemas nos relacionamentos, dificuldades de aprendizagem, entre outros. Lembrando que a psicoterapia é recomendada para qualquer pessoa que deseja melhorar aspectos emocionais em sua vida e não somente para quem tem algum tipo de transtorno mental.

Por fim, apesar de ser conhecida como um modelo de terapia breve e focada, o processo terapêutico é pensado e executado diante das necessidades e particularidades de cada paciente e definido colaborativamente. Ainda assim, um dos objetivos do psicólogo na TCC é ensinar o paciente a ser seu próprio terapeuta, para que ao longo do tempo consiga lidar por conta própria de suas questões.  

 

 

bottom of page